Gênesis 22.1-14 – Confiança em Deus em meio às provações [Abraão]

Série: Aprendendo com os Patriarcas – Confiança em Deus (Abraão)

Gênesis 22.1-14

Uma única pergunta é dada a Abraão nesse texto: “quão importante sou eu para você?”.

 

GÊNESIS 22

Vs. 1-2

Fazer o quê? Oferecer meu filho como holocausto? Tenho 117 anos Senhor. Sara tem 107 anos. Já não dá mais para termos filhos. Veja bem.

Ele foi pedido em Gênesis 12 a sacrificar sua família, seu clã, seu passado.

Agora, em Gênesis 22, Deus pede que ele sacrifique seu futuro. A pergunta é: “Quão importante sou eu para você?”

Sacrifique seu único filho a quem amas.

Isso realmente era necessário? Vamos ver.

Vs. 1 – Depois destas coisas.Que coisas?

 

PRIMEIRO TESTE

De fato, em Gênesis 12, vemos Deus mandando Abrão deixar seus parentes para assegurar uma bênção que viria, em grande parte por meio de um herdeiro. Ele tem que sacrificar seu país, seu clã, sua família, seu passado. Abraão mostrou fé ao sair, mas levou consigo a Ló. Estaria Abraão pensando em Ló como seu possível herdeiro? Ele se separa de Ló. Deus faz que se separe de seu sobrinho.

 

SEGUNDO TESTE

Logo depois, ele chega em Neguebe, e houve fome. Ele não confia na promessa de que ele teria aquela terra por herança e vai para o Egito.

 

TERCEIRO TESTE

Lá no Egito ele não confia em Deus e mente dizendo que Sara era sua irmã.

 

QUARTO TESTE

Em Gênesis 15, a promessa é renovada. Abraão não confia, e aceita tomar Agar e tem um filho com ela. Ele tenta ajudar Deus a cumprir suas promessas. Ele não confia.

 

QUINTO TESTE

Em Gênesis 20, ele faz novamente Sara se passar por sua irmã por medo de homens e não confiando que Deus os protegeria.

 

Em todo tempo Abraão está tropeçando desajeitadamente em sua fé. Em todas as suas tentativas de ajudar a Deus a produzir um herdeiro, haviam dado errado. Finalmente em Gênesis 21, o herdeiro nasce e o relato deixa muito claro que Deus havia feito o que o tempo todo ele havia prometido fazer.

Temos uma tripla afirmação da fidelidade de Deus: como lhe dissera (21.1a), cumpriu o que lhe havia prometido (21.1b), que Deus lhe falara (21.2). Uma repreensão à incredulidade de Abraão. Ele certamente poderia confiar nele. Ele não precisaria ajudar Deus a resolver, ele deveria descansar em Deus e confiar em Deus.

E então no Cap. 22, a fé de Abraão é testada. Era necessário esse teste. Abraão havia aprendido as lições? Ele conseguiu perceber que Deus é fiel?

“Quão importante eu sou para você?”

 

Veremos três segredos de como Abraão venceu o teste final.

 

1) Disposição para ouvir a Deus e para responder a Deus

Quem são aqueles que respondem “Eis-me Aqui” para Deus?

Primeira vez que essa palavra é dita nas Escrituras Sagradas. Todas as vezes que um homem respondeu a Deus: Eis-me aqui, a história da humanidade foi mudada.

Abraão responde eis-me aqui para oferecer seu filho. E responde eis-me aqui para ouvir que não precisa sacrificar seu único filho.

Gn 31.11 e 46.2: Jacó responde a Deus: Eis-me aqui.

Êx 3.4: Moisés responde a Deus: Eis-me aqui.

1Sm 3.4: Samuel responde Eis-me aqui a Deus.

Is 6.8: Isaías responde a Deus: Eis-me aqui.

Estamos nós dispostos a responder Eis-me aqui para Deus? Mesmo sabendo que após essa resposta, poderemos ser demandados em um grande sacrifício pessoal?

 

2) Confiança em Deus

Uma mamografia suspeita, uma ligação do médico: sua saúde se foi.

Um ente querido que se vai.

A demissão em um momento de crise econômica.

Suas finanças se foram.

Não importa quão é o teste. A pergunta para nós é a mesma: quão importante sou eu para você? Sou o suficiente para você?

Abraão toma Isaque e vai em direção ao monte. Ele anda por três dias até chegar ao Monte Moriá. Não temos relatos de nenhuma palavra ou pensamento de Abraão no caminho. Apenas obediência. Confiança total em Deus.

Vs. 5 – Esperai aqui, com o jumento, eu e o rapaz iremos até lá e, havendo adorado, voltaremos para junto de vós.

Ele está certo do retorno de Isaque. Como ele pode ter certeza? A resposta está em uma palavra: experiência. Abraão já viu que pode confiar em Deus.

Deus o sustentou em todo o caminho. Desde Ur. Mesmo quando ele mente sobre Sara, não uma mas duas vezes. Deus o livrou de Faraó. Deus o livrou de Abimeleque. Deus lhe deu Isaque miraculosamente. Abraão conhece o Deus providente. O Deus que provê e cuida dos seus.

 

Gênesis 21.1-2: como lhe dissera, cumpriu o que havia prometido, que Deus lhe falara. Três vezes: Abraão, você pode confiar em mim. Eu cumpro o que eu prometo.

Em Gênesis 21.12: Deus diz que de Isaque, viria a sua descendência. Deus prometeu que de Isaque, ele se tornaria uma grande nação. De Isaque.

Podemos confiar em Deus? Adoramos a Deus independentemente de circunstâncias?

É disso que se trata.

 

Jó – adoraria Jó a Deus se Deus lhe tirasse tudo?

Abraão – adoraria Abraão a Deus, se Deus lhe tirasse Isaque?

 

Adoraríamos nós a Deus, se Deus nos tirasse tudo? Quando o tempo do nosso teste chegar, confiaremos em Deus como Abraão confiou?

Se olharmos para trás, veremos a providência de Deus em todo o tempo. Podemos confiar nele.

Anote as experiências que você teve, onde como Deus te protegeu, te livrou, não se esqueça. Nos esquecemos facilmente da providência.

EU SEI QUE DEUS IRÁ ME SUSTENTAR NO FUTURO, PORQUE ELE ME SUSTENTOU NO PASSADO.

Não preciso andar ansioso, eu confio em Deus.

 

3) Amor a Deus acima de todas as coisas

Vs. 9 – o que Abraão viu nos olhos de Isaque, o filho a quem amava?

Perder um filho por uma tragédia, doença, acidente é algo terrível. Mas nesse caso, seria pior ainda. A vida de Isaque seria tomada pelas mãos do seu próprio pai.

Mas ele já experimentou a providência de Deus.

Gênesis 20 – Quando Abimeleque questiona Abraão, ele responde: Ninguém aqui teme a Deus, me matariam para tomar Sara. Quem não temia a Deus o suficiente era Abraão. Agora, no cap. 22, ele teme a Deus. Ele oferece seu único filho.

 

AMOR DE ABRAÃO POR ISAQUE

O narrador cria uma tensão emocional na história. Uma coisa é clara, Abraão ama seu filho e é chamado a sacrificar o filho que ama.

É altamente significativo que a primeira vez que a palavra amor ocorre na Bíblia seja em Gênesis 22.2.

O amor de Abraão estava sendo testado. Abraão amaria a Deus acima de todas as coisas? Foi uma demonstração de amor a Deus acima de todas as coisas. Ele adora e tema a Deus e não ao filho. Não é um ídolo para ele.

Há algo em nossa vida que amamos mais do que a Deus? Há algo que não estaríamos dispostos a abrir mão? Estamos colocando as bênçãos acima do Deus que nos abençoa? Estamos dispostos a nos sacrificar por Deus?

Ilustração: Jovens Morávios: se vendem como escravos para pregar a escravos. Pagam a própria passagem. Que o cordeiro receba a recompensa.

Agora, não é mais, meu filho, meu único filho, a quem eu amo. Agora, Abraão diz, em primeiro lugar: MEU DEUS, MEU ÚNICO DEUS, A QUEM EU AMO.

Quão importante foi Deus para Abraão?

Porque Abraão amou a Deus, ele deu seu único filho.

 

Conclusão: O Amor de Deus por nós

Mil anos depois, no monte Moriá, o Templo é construído. Cordeiros morriam para o perdão de pecados do povo.

Dois mil anos depois, Deus não poupou seu único filho. O cutelo foi levantado, mas ninguém o parou. Posso confiar em Deus, porque aquele que não poupou seu único filho, não nos dará juntamente com ele todas as coisas?

Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu único filho.

 

Ilustração:

Na aviação, quando um avião vai decolar, existe uma velocidade, chamada de V1.  É a velocidade de decisão, em que a tripulação técnica decidia pelo abortamento (RTO) ou pelo prosseguimento da decolagem.

Quando o V1 é ultrapassado, não há mais retorno. Não é possível mais abortar. Já ultrapassamos o V1 em nossa confiança e temor a Deus?

EU SEI QUE DEUS IRÁ ME SUSTENTAR NO FUTURO, PORQUE ELE ME SUSTENTOU NO PASSADO.

A pergunta que fica para nós é: “Quão importante sou eu para você?”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: